JEITOSO DESAJEITADO

jeitoso1

JEITOSO DESAJEITADO

 

sim, oh, sim eu  levo jeito     

para ser . . .  desajeitado

perfeccionista imperfeito

ou justo . . .  desajustado

 

 

o amor, que ‘matei no peito’

fez de mim um despeitado

que erra a torto e a direito

(sujeito . . .  sem predicado)

 

 

peco (com todo o respeito)

e nunca pago o pecado. . .

vejam só! peco fiado!

(e poso de insatisfeito). . .

 

 

crio e recrio malcriado

versos e frases de efeito

feito um ‘astro desastrado’

(homem raro e rarefeito). . .

 

 

e me enrolo e rolo e deito

a cada poema ousado

(ou contido) e me deleito

feito um louco delicado

 

 

escandalosamente recatado

resignadamente contrafeito

sinônimo de ‘anônimo’ e de ‘eleito’

um ‘gênio’ , meio assim, degenerado

 

 

sou largo . . . e faço-me estreito

qual anjo . . .  desarranjado

pois,  não ‘virei’ poeta. . . nasci feito

(sou cuidadosamente descuidado)

 

 

sei bem que sou bendito e mal falado

mas, não tenho vaidade ou preconceito. . .

mesmo desajeitado . . .  levo jeito. . .

(consigo ser malquisto e bem amado)!

 

PAULO MIRANDA BARRETO

IMAGEM: RENÉ MAGRITTE

Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons – Atribuição CompartilhaIgual 4.0 Internacional -.

 

Anúncios

Um pensamento sobre “JEITOSO DESAJEITADO

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s