BOLHAS

bolhas de sabão

BOLHAS

 

Bolhas de sabão que bailam nos braços da branda brisa,

 

emprestai vossa leveza á minha alma indecisa

entre entregar-se á tristeza que desde sempre a escraviza

ou revelar-se á beleza que as dores más suaviza. . .

Oh, curai essa ferida que em mim jamais cicatriza.

 

Bolhas de sabão que bailam nos braços da branda brisa!

 

PAULO MIRANDA BARRETO 11/06/2015

Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons – Atribuição-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

ARTE: Bubbles (1886)  de  Sir John Everet Millais

BOLHAS 1

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s